Pe. Zagore: a segurança dos padres, grande desafio para Igreja africana


“O problema da segurança dos sacerdotes no continente africano deve fazer parte dos temas fundamentais dos próximos grandes encontros regionais e continentais da Igreja na África. É necessário enfrentar esse problema para encontrar soluções adequadas para a proteção dos agentes pastorais”, afirma o teólogo marfinense da Sociedade das Missões Africanas, Pe. Donald Zagore.

“O continente africano está se tornado hostil aos sacerdotes? O número de sequestros e homicídios dos quais os religiosos são vítimas continua crescendo de modo desproporcional, dificultando o trabalho de muitos agentes pastorais”: disse à agência missionária Fides o teólogo da Sociedade das Missões Africanas, Pe. Donald Zagore, diante do sequestro, no Níger, de seu confrade, Pe. Luigi Maccalli.

Toda a Igreja, família de Deus, deve entrar em ação

Líderes políticos devem assumir suas responsabilidades

 

“Os contínuos sequestros em terra africana, sobretudo na zona ocidental do país, não deveriam ser silenciados diante da opinião pública. A grande mobilização de toda a família de Deus na África, religiosos e leigos, deve impulsionar ulteriormente nossos líderes políticos, fiadores da segurança da população, a assumir suas responsabilidades. Enquanto isso não se verificar, todo tipo de iniciativa parecerá supérfluo e inexistente”, ressalta o teólogo marfinense.

“Em momentos de grande sofrimento como estes, toda a Igreja, família de Deus, na África deve entrar em ação. Ninguém excluído”, prossegue.

Segurança dos sacerdotes continua sendo grande desafio

 

“Conscientes do fato de que nos encontramos diante  de um fenômeno muito perigoso, delicado e complexo para a Igreja africana, a segurança dos sacerdotes permanece sendo, hoje, um grande desafio. Quando um membro da família sofre, toda a família sofre. É mais do que nunca fundamental romper o silêncio para fazer ouvir a própria voz onde é necessário.”

Encontrar soluções para proteção de agentes pastorais

 

Segundo Pe. Zagore, “o problema da segurança dos padres no continente africano deve fazer parte dos temas fundamentais dos próximos grandes encontros regionais e continentais da Igreja na África. É necessário enfrentar esse problema para encontrar soluções adequadas para a proteção dos agentes pastorais”, reitera o missionário.

(Fides)



Fonte